PERGUNTAS FREQUENTES

Doenças das artérias

Aterosclerose

O que significa aterosclerose aórtica no raio X de abdome?

Pergunta:

“Uma amiga de 76 anos fez raio x da coluna e lombo-sacra e apareceu aterosclerose aórtica, gostaria de saber quais os riscos que ela tem, mesmo que já faça tratamento para colesterol, não é hipertensa, sem diabética…. suas queixas são dor  na parte superior da coxa direita e esquerda, sensação de estufamento abdominal e cansaço…..”

Resposta:

Nesta faixa etária é comum a pessoa ser surpreendida em um exame de raio x de abdome ou de coluna com o achado de calcificação da artéria aorta e das artérias ilíacas e que é documentada como aterosclerose aórtica. Isso denota a presença de endurecimento por depósito de cálcio (calcificação) e/ou presença de placas na aorta. A dislipidemia (colesterol ou triglicerídeos altos) e principalmente o tabagismo  podem causar essas calcificações da parede das artérias. Mulheres que fumam podem ter calcificações e até oclusões (entupimentos) arteriais em faixas etárias jovens (quarta ou quinta décadas de vida). Ainda assim, algumas pessoas podem ter calcificações sem serem diabéticas ou hipertensas.  Os sintomas de dor que ela apresenta não podem ser atribuídos somente à aterosclerose aórtica, entretanto, sintomas como dor nas pernas ao andar podem ser relacionados a obstrução arterial.

Quanto ao risco que sua amiga corre não depende somente da aterosclerose aórtica. Deve-se fazer uma avaliação completa dos demais fatores de risco cardiovasculares e seria interessante procurar ajuda de um cirurgião vascular e cardiologista para melhor avaliação de risco cardiovascular.

Dr. Robson Barbosa de Miranda

Minha esposa fez exame de ultrassom que descreveu ateromatose da aorta abdominal. O que significa?

Pergunta:

“No ultra-som abdominal o resultado foi ateromatose da aorta abdominal. Gostaria de saber o que é, qual a gravidade e o tratamento ou se é necessário cirurgia.”

Resposta:

Achados de exames complementares não tem significância sem que haja correlação clínica, entretanto alertam para um problema inicial que pode ser tratado para evitar progressão. Calcificação de parede da artéria aorta abdominal é um indício (veja bem, indício!) de doença aterosclerótica das artérias, mas pode ocorrer em decorrência de outras doenças. Se o (a) paciente é fumante, hipertenso(a), com colesterol e triglicerídeos altos, tem doença das artérias coronárias e/ou  diabético(a), tem maior probabilidade de  ter doença aterosclerótica. Isto não quer dizer que seja caso de necessidade de cirurgia atual ou futura, mas deve ser investigado e acompanhado adequadamente. Sugiro que  sr(a). agende consultas com dois especialistas: cirurgião vascular e cardiologista. O primeiro pela obviedade do quadro (quem trata doença da artéria aorta abdominal é o cirurgião vascular – mesmo que não seja caso de cirurgia); e o segundo pelo fato da ateromatose aórtica estar associada a doença aterosclerótica como um todo, inclusive coronariana (coração).
Fazendo isto a sua esposa será investigada e terá definido se o problema é aterosclerótico ou de outra causa. E caso se confirme, será orientada da melhor forma de tratamento.

Dr. Robson Barbosa de Miranda

Aneurismas

Realizei um ultrassom foi descrito um aneurisma. O que é isso?

Pergunta:

Meu médico me solicitou um ultrassom abdominal por suspeita de cálculo na vesícula e foi encontrado um aneurisma. O que é um aneurisma?

Resposta:

O aneurisma da aorta abdominal é uma dilatação da aorta no abdome. A aorta é uma rtéria que sai do coração e segue, desde o tórax até o abdome onde, na altura do umbigo, aproximadamente, se divide. O aneurisma é uma dilatação (uma saculação) da artéria além do que 1,5 x o diâmetro esperado de uma artéria. Por exemplo, uma artéria aorta abdominal de um homem de aproximadamente 1,80 m tem, em média, ao redor de 2 cm de diâmetro (largura); para ser considerado um aneurisma, essa artéria deveria ter um diâmetro maior que 3 cm (1,5 x o diâmetro normal).

O maior problema do aneurisma da aorta abdominal é a possibilidade de rompimento, levando a uma hemorragia fatal. Portanto, é importante que, uma vez diagnosticado, o paciente deverá procurar a ajuda de um cirurgião vascular para investigar, acompanhar, orientar e, eventualmente, operar quando se fizer necessário.

Para saber mais sobre aneurisma da aorta abdominal, clique aqui.

Robson Barbosa de Miranda

Doenças inflamatórias

How will my shirts ship?

Maecenas eu placerat ante. Fusce ut neque justo, et aliquet enim. In hac habitasse platea dictumst. Nullam commodo neque erat, vitae facilisis erat. Cras at mauris ut tortor vestibulum fringilla vel sed metus. Donec interdum purus a justo feugiat rutrum. Sed ac neque ut neque dictum accumsan. Cras lacinia rutrum risus, id viverra metus dictum sit amet.

Fusce venenatis, urna eget cursus placerat, dui nisl fringilla purus, nec tincidunt sapien justo ut nisl. Curabitur lobortis semper neque et varius. Etiam eget lectus risus, a varius orci. Nam placerat mauris at dolor imperdiet at aliquet lectus ultricies.

Duis tincidunt mi at quam condimentum lobortis.

Outros

How much do I have to pay to get started?

Maecenas eu placerat ante. Fusce ut neque justo, et aliquet enim. In hac habitasse platea dictumst. Nullam commodo neque erat, vitae facilisis erat. Cras at mauris ut tortor vestibulum fringilla vel sed metus. Donec interdum purus a justo feugiat rutrum. Sed ac neque ut neque dictum accumsan. Cras lacinia rutrum risus, id viverra metus dictum sit amet.

Fusce venenatis, urna eget cursus placerat, dui nisl fringilla purus, nec tincidunt sapien justo ut nisl. Curabitur lobortis semper neque et varius. Etiam eget lectus risus, a varius orci. Nam placerat mauris at dolor imperdiet at aliquet lectus ultricies.

Duis tincidunt mi at quam condimentum lobortis.

Ainda tem dúvidas,.

 

Para qualquer outro questionamento: [email protected]

ou para agendamento de consultas (11) 4123-5677

022032051 041